Crônicas digitais: Retrato da gente



Ficha técnica:

Direção: Marinho Antunes
Texto: Fernanda Mello
Assistente de direção: Sérgio Oliveira
Assistente de produção: Karina Braga
Música: Roberta Campos e Fernanda Mello
Apoio: Estudio Pro
Apoio: M1 Station


Retrato da gente

Eu acho que não há nada que nos faça sentir tão bem quanto a família da gente. Por mais que haja complicações, maluquices e coisas do gênero. Nossa família nos lembra quem somos. Enxerga nossa essência. Nos conhece do avesso. Amigos também. Mas os poucos amigos que tenho fazem parte da minha família (então, é justo dizer que estão inseridos aqui, nesse texto e contexto).

Família, pra mim, tem a ver com o jeito que você pensa. O modo que você ama. A forma que você vê o mundo.

Hoje eu só queria deixar bem claro que família é pedaço importante meu e dizer que – se existem qualidades em mim – eu devo a eles. É. A gente segue o exemplo que vê em casa e se torna um reflexo do que vivenciamos quando crianças. A gente se espelha em nossos pais, tios e avós, seja no jeito de falar, de rir, de fazer careta. E – claro – no modo de encarar a vida.

Quer me conhecer? Passe uma tarde com meus pais – Seu Márcio e Dona Guilhermina – eu sou a mistura mais louca dos dois. É por eles que eu sou corajosa. É por eles que eu tenho um lado careta e outro nem tanto... Mas – o mais importante – é pela minha família que eu leio um livro por semana, sou apaixonada por música, poesia e por todo tipo de arte.
Olha pai, me desculpa, mas nascer em uma família como a nossa não iria me levar nunca a um concurso público. Enquanto você tocava teclado, mamãe pintava aqueles quadros malucos onde o cabelo da mulher se confundia com o céu e a terra e, bem... Como eu poderia vivenciar esse universo mágico de ter arte dentro de casa e não querer levá-lo pra minha vida toda?

É. De perto, nenhuma família é normal, graças a Deus! A minha não é. E a alegria (e os almoços) que existem lá dentro de casa eu nunca vi em lugar nenhum. Portanto, seja lá como for sua família, agradeça por ela diariamente, de todo o coração. Afinal, se estamos aqui e somos o que somos, é por causa dela.

Feliz dia das mães para todas as mães, presentes ou não. Na terra ou no céu. E pra todos os pais (que hoje revezam com as mães). Com vocês aprendemos o que é amor incondicional. Por vocês, nós somos.



                     
Obrigada a todos pelo carinho e pela força!
Sempre é tempo de se sentir grato. E agradecer.



OBS: Para comprar o livro ou entrar em contato comigo, e só enviar email para fernandamello2006@gmail.com. :)

Ah, quem quiser assistir as crônicas digitais na TV, só ficar ligado na M1 Station (http://www.m1station.com.br/)


35 Fala, coração!:

Aloisio Júnior disse...

Nossa! Que emocionante texto!
Realmente, qual família é normal?
Parabéns pela escrita!

Paulinha disse...

Coisa mais linda esse texto, Fê...e ouvi-lo da sua própria boca, com esse sotaque super charmoso, torna-o ainda mais verdadeiro! Parabéns!

karina disse...

Emocionante!!! Amei amei!!!

Karina Balde

Sparkiling! disse...

Lindo, como sempre!

fernandagallindo disse...

Lindoo lindoooo lindooooooooo!
Amei o texto!
Família é essencial, é minha bússola.
Cancerianas né.. rs
Beijooooos Fê! Amando as crônicas digitais. Já estou ansiosa pela próxima! hahaha

Dany disse...

U-a-u!!
Lindo texto Fê!
Amo ler seus textos, mas ouvi-la falando é maravilhoso! Que venham muitas outras crônicas digitais!
Você falou de família sem ser clichê, de um jeitinho todo especial, depois de ler dá vontade de sair abraçando toda a família e dizer a cada um: amo você, por você eu sou!

Fê, não canso de dizer: sou sua fã, menina!

Beijos Mil.

Anônimo disse...

muito lindo o texto. traduziu meu sentimento em palavras também fernanda!

parabéns e toda a felicidade para voce e para a sua familia!

Fernandinha Rezende disse...

Lindíssima como sempre! Palavras emocionantes que me fizeram rever alguns conceitos que confesso, estavam defasados. Mal posso esperar pela próxima! Beijo, Fê! :)

Ana Flávia Sousa disse...

Que delícia de texto! =)
Que saudade de casa me bateu aqui.
Família, é tudo, sem dúvidas.
É o que somos hoje, e o que seremos amanhã! Nosso porto mais que seguro!

ps: Adorei a foto da Walkíria e do Thomás!
Gosto dela demais, demais. =)

beijo carinhoso pra você!

Kellica disse...

É isso mesmo, aos diferentes estilos e tropeços, temos alegria por ter uma família! E temos muito a agardecer por isso!Também sou garta a minha grande família. Somos em 10 irmaos (5x5) e temos uma sintonia de respeito e carinho um com o outro.
Beijos, parabens pelo POST... Kellica

Fernanda disse...

Mais lindo q o texto, é só ouvir o texto vindo diretamente de vc...
Agradeço todos os dias a Deus por ter uma família (a biológica, a geneticamente oficial)linda, iluminada e abençoada, mas tb agradeço demais pelas pessoas q com o tempo foram se tornando parte da minha família, a família q eu escolhi, minha família do coração, meus amigos q são muito mais q amigos e algumas vezes mais presentes q muitos familiares meio blérgh q a gente sempre tem. E tenho um orgulho imenso em dizer q vc é parte dessa minha família, a minha família do coração, q eu escolhi e q não vai deixar de ser nunca mais!!
Charlize, lindona, feliz dia das mães, afinal de contas Bebel e Cazuza não têm outra mãe a não ser vc né?
Amo vc, guria!!
Beijão!
Saudades demais!

Pee disse...

chorando e rindo, rindo e chorando.
Maravilhoso, simples, sincero !!!
bjos Fê

Pee

Anônimo disse...

Dá até um nózinho na garganta ... lindo!

Anônimo disse...

amei seu blog! me emocionei com esse texto..parabens!
Amira

Ana Karina disse...

Sem palavras... Ou melhor dizendo, uma só palavra: AMOR!!! AMOR DAQUI ATÉ A ETERNIDADE...
Não faz idéia do orgulho que tenho por fazer parte dessa família mais linda desse mundo uai...
TE AMO SISTA!!!

Helena disse...

Identifico-me bastante com seu escrito, é pessoal, porém se estende aqueles que compartilham da mesma emoção que a impulsiona escrever, e isso faz ele, apesar de pessoal,chegar indistintamente a cada um que lê pela emoção causada. "NÓS SOMOS" extamente de quem tivemos origem, seja pelo bom exemplo a ser seguido, ou pela irreverência do descontentamento.Comecei um blog faz pouco tempo, só pra dividir comiga mesma e com aqueles que tenham curiosidade de ler e se emocionem, caso consigam!
Seus textos sempre tem gostinho de quero mais!Muito bom!

Anônimo disse...

Que lindo texto! Super emocionante!
A cada dia que passa, te admiro mais e mais.

Grande beijo! :)

Anônimo disse...

Chorei!

Anônimo disse...

Seu textos são ótimos...e super necessários em alguns dias especiais!!!Hoje você me ajudou em assuntozinho chato...por mais que não me conheça, saiba que suas palavras abriram minha cabeça e me faz parar pra pensar...Obrigada!

Victoria disse...

Fernanda,me viciei em você depois do vídeo "Amar é punk".Pela forma que você expressa seus sentimentos pelas palavras e por seu olhar.
Parabéns! Meus dias precisavam de um pouco de conforto literário,e com você achei isso!

Amanda Lemos disse...

Gostei bastante do Blog, :)
Muito interessante !
Deixo o meu aqui, caso queira dar uma olhada, seguir...;

www.bolgdoano.blogspot.com

Muito Obrigada, desde já !

Gi disse...

Uau! Adorei seus textos, seu blog...até colei parte de um texto seu no post de hoje, o maior de toda a minha vida! rsrs é que trata-se uma passagem da minha vida...
Parabéns por este dom que Deus lhe deu!
Vc é demais!
Beijos!

Gi disse...

:( vim aqui ver novos texto........... não tem.......aguardando..................

Geraldo Duarte disse...

Olá Fernanda, navegando no infomar aportei no teu blog, muito lindo!

A vida é feita de escolhas e atitudes, somos unicamente responsavel por onde e como estamos, antes de buscar culpados, devemos apontar o indicador para para nós mesmo!

Parabéns

www.geraldoduarte.blogspot.com

Priscila Lopes disse...

Eu não a conhecia; estou fã. Pelo texto, pela "interpretação", pela qualidade e a sutileza.

Já espalhei no facebook "amar é punk" - porque é mesmo, e você disse bem.

Meu abraço admirado.

Pâmela Reis disse...

A simplicidade me encanta, autêntica e emocionalmente marcante! Texto explêndido!

Anônimo disse...

Olá é a 3ª vez que encontrei o teu blog e reflecti tanto!Bom Projecto!
Adeus

Síí disse...

Adorei!! Todos seu textos são bons!! Saiba q já virei sua fã!!

Bjim*

Anônimo disse...

Oi foi a 3ª vez que li a tua página e reflecti muito!Espectacular Projecto!
Cumps

Anônimo disse...

Ola Fernanda, td bem? Escrevi pra vc ha alguns dias sobre o seu texto que li uma parte dele e amei!!!! " Quer saber oq sinto? Entao tome.prove...". Poremli apenas uma parte dele, tentei acha-lo aqui no seu blog mas tem nao consegui. Amei todos os seus textos eme identifiquei mto com esse... Sabe me dizer aonde esta, qual data da publicaçao para procura-lo??? Mto obrigada! Estou no aguardo.
BEIJOS LUIZA

B R E N A disse...

MORRI AGORA. PRA SEMPRE. Só hoje que vi que estou presente nas fotitas aqui. Aimmmmm, que amor!!!!!!!!!!!!
Como eu não vi isso antes, gente?!
Muita emoçãaaaaaaao!!!!!!!

Anônimo disse...

how are you!This was a really brilliant website!I come from ukLouboutin Shoes, I was fortunate to approach your blog in google

Anônimo disse...

Aiai... o que dizer? Maravilhoso, tudo, o texto, a trilha sonora, o sotaaaaque, hummm... sou do Vale do Jequitinhonha e morando entre o sul de minas e Campinas por mais de 20 anos, seu sotaque é pra mim um oasis no deserto (risos) adorei, tenho acompanhado voce desde "Amar é Punk", sigo seu blog e fico sempre um pouco mais feliz qdo te faço uma "visitinha". Meu blog é www.versomusicado.blogspot.com qdo der me faça uma visitinha ta. Bjo e sucesso sempre. Parabens!

Anônimo disse...

Que lindo mew, concordo plenamente, família é muito importante mesmo, é a coisa mais importante da vida de um ser humano... Adorei Fernando, você é linda, e adoro os seus textos...
Beijos
http://proudandfamous.blogspot.com/

Anônimo disse...

Realmente, vi esse vídeo uma primeira vez, quando minha professora disse" Façam algo parecido, reflitam essa criatividade, apreciem esse talento!". Antes de ver pensei que seria chato, e foi " tão chato", que vi cinco vezes! Parabéns e realmente, com essa criatividade, você nunca seria levada à um concurso público, jamais!

 

Dia 03 de dezembro tem Gabi Mello!

Dia 03 de dezembro tem Gabi Mello!

Anuncie aqui!