- Para ler:
“Mulheres que correm com os lobos”, da Clarissa Pinkola Estés. Minha tia Nina (psicóloga incrível, que eu amo de paixão) me indicou, e eu – apressada – comprei no sebo no mesmo dia. É um livro que fala como nós, mulheres, domesticamos nosso lado selvagem, criativo e intuitivo (devidos à sociedade e a vários outros fatores) e depois nos sentimos incompletas. Para quem gosta de livros de psicologia, eu SUPER recomendo!

- Para assistir:
O filme “Encontros e desencontros”, da Sophia Coppola. Um dos filmes mais singelos (e lindos!) que já vi. http://www.youtube.com/watch?v=6wXjObmziEk

- Para ouvir no último volume:
Hoje é dia de rock, bebê! http://www.youtube.com/watch?v=ZsmAXjiZajs

- Para relaxar:
Aprendi esse escalda-pés com minha mãe, é ótimo para depois de um dia cansativo, em cima do salto 12. Em uma tina ou bacia, coloque 2 litros de água e um punhado de sal grosso. Adicione 2 gotas de óleo essencial de lavanda e 1 gota de óleo essencial de alecrim. Deixe os pés mergulhados por dez minutos.

- Fútil, mas útil:
Para comprar mimos para beleza com um precinho ótimo (e atendimento de primeira), indico a loja virtual da minha ex-vizinha, sempre fofa e perfeitamente maquiada: http://lojamimosparabeleza.com.br Comprei ontem 2 lipbalms por 25,00 (um de cereja da Chapstick e um de baunilha Carmex!) :)

- Para o dia ficar mais doce:
Para quem vive em busca de alimentos light, que sejam realmente gostosos, minha última descoberta: o açúcar mascavo LIGTH da Nutricêutica. É bom para adoçar iogurtes, sucos e substituir o açúcar comum nas receitas.

- Para anotar no caderninho:
"O arquétipo da Mulher Selvagem, bem como tudo o que está por trás dele, é o benfeitor de todas as pintoras, escritoras, escultoras, dançarinas, pensadoras, rezadeiras, de todas as que procuram e as que encontram, pois elas todas se dedicam a inventar, e essa é a principal ocupação da Mulher Selvagem. Como toda arte, ela é visceral, não cerebral. Ela sabe rastrear e correr, convocar e repelir. Ela sabe sentir, disfarçar e amar profundamente. Ela é intuitiva, típica e normativa. Ela é totalmente essencial à saúde mental e espiritual da mulher”.
(Clarissa Pinkola Estés)



- Para ilustrar:
Quem quiser deixar suas dicas, fique à vontade! Beijos e inté!



4 Fala, coração!:

 

Dia 03 de dezembro tem Gabi Mello!

Dia 03 de dezembro tem Gabi Mello!

Anuncie aqui!