...

" De que me adianta fugir ?
Melhor seguir até encontrar
As coisas todas que eu tô afim
Eu danço bem e não vou parar
De arriscar o melhor de mim..."
(Marina Lima)


Minha vida é assim. Brinco de esconde-esconde. Conto até cem, abro os olhos, cadê? Procuro, procuro e não acho. Não me acho. Às vezes dou sorte e encontro um pedaço meu perdido, uma frase atrás do muro. Mas a verdade inteira, quem sou, com todas as letras, palavras e sentidos, parece estar sempre a frente. A um palmo do meu nariz. E eu me atrevo. Corro, tropeço, me aventuro e vou. Conto até cem (posso ir?), quero me descobrir por aí. Quem é aquela embaixo da cama, sou eu? Quem é aquela, atrás do armário, com um pedaço revelado para poder ser encontrada? Sou eu? Sim. Sou eu. Às vezes dou de cara comigo, levo susto, chego a não acreditar. Às vezes - como por encanto - me encanto. E existem horas que só vejo sombras, vazios, interrogações. São meus mergulhos fora de foco. Miopia emocional? Traga-me os óculos, por favor. Eu não quero perder nenhum pedaço meu. Eu não quero deixar de me encontrar por medo. Eu quero descobrir o que há de melhor e pior em mim, minhas verdades, meus silêncios e me amar e me aceitar por inteiro. Quero me encontrar para me perder. Brincadeira que nunca acaba.


Foto: Alessandra Duarte -  http://www.alessandraduartefotografia.blogspot.com.br/

Esse texto é de 2005. E eu dedico à minha coacher Keli Soares, que tem me ajudado (muito!), desde o ano passado, nessa coisa de me descobrir.

4 Fala, coração!:

Unknown disse...

Só queria ressaltar que a cada linha (re)lida, dou um suspiro como quem ganha um fôlego extra para seguir em frente.

Abençoados são os que falam muito, com o pouco - e belo - dom da fala.

Unknown disse...

Só queria ressaltar que a cada linha (re)lida, sinto um suspiro como quem ganha um fôlego extra para seguir em frente.

Abençoada seja a menina que muito diz com o pouco que fala.

Coisa boa.

Sel disse...

Muito lindo, Fê!!!!! <3

Ary Alfredo disse...

Samba Enredo 1992 - Sonhar Não Custa Nada! Ou Quase Nada
G.R.E.S. Mocidade Independente de Padre Miguel

Sonhar não custa nada
O meu sonho é tão real
Mergulhei nessa magia
Era tudo que eu queria
Para esse carnaval
Deixe a sua mente vagar
Não custa nada sonhar
Viajar nos braços do infinito
Onde tudo é mais bonito
Nesse mundo de ilusão
Transformar o sonho em realidade
E sonhar com a mocidade
E sonhar com o pé no chão
Estrela de luz
Que me conduz
Estrela que me faz sonhar
Amor, sonhe com os anjos (não se paga)
Não se paga pra sonhar
Eu sou a noite mais bela
Que encanta o teu sonho
Te alucina por te amar (amar, amar)
Vem nas estrelas do Céu
Vem na lua de mel
Vem me querer
Delírio sensual
Arco-íris de prazer
Amor, eu vou te anoitecer

Eu vejo a lua no céu
A mocidade a sorrir
De verde-e-branco na sapucaí

 

Dia 03 de dezembro tem Gabi Mello!

Dia 03 de dezembro tem Gabi Mello!

Anuncie aqui!