Com que letra eu vou?




Para ler:

Não é regra, apenas uma observação: esse negócio de ser romântica e esperar demais dos homens ainda fode a vida de muita mulher. A frase é minha. E a decepção também. (Fernanda Mello - sim, hoje acordei punk).


E tem mais:
Dia 18 de Agosto (18, anotem aí!!!)  vai ter  lançamento em BH do meu livro  "O amor na TPM", pela Editora Empíreo. Aguardem!



Para dar uma animada:




Frases no Divã:

Frases no Divã é escrita pela psicóloga, psicanalista clínica, gestora de pessoas e especialista em projetos para terceiro setor +Renata Lommez, que além de grande amiga, é uma super profissional, que já trabalhou, inclusive, como colunista na Editora Abril.  E é essa loura inteligente, com ares de Fergie, que me ajudou em todo o livro O AMOR NA TPM , que será lançado pela editora Empíreo, em Agosto. 






Moda pode ser tudo... Com Rosa Guariglia

"(...) viver é etcétera..."
Guimarães Rosa

Olá!
Eu perguntei para a Fernanda se poderia falar de moda sustentável e, devidamente autorizada, comecei a ler e pesquisar mais sobre o assunto para não passar vergonha.  Só que, no final das contas, descobri que há muita informação disponível, que as roupas de material orgânico, sem derivados de petróleo, acessórios de madeira certificada, são caras e ainda pouco acessíveis, quer dizer, não estão tão à mão ou acompanham as tendências (acho que odeio essa palavra) como gostaríamos. 
Não é de hoje que acontecem mil bazares de roupas de grife usadas com preço bom, bazares de trocas entre amigas e muita gente já adotou o site enjoei para vender as roupas e o que não quiser usar mais. Não quero aqui fazer um manifesto anti fast fashion, quem nunca comprou na Zara, na H&M, Forever 21 e outras? Quem nunca deu uma olhada (ou comprou a rodo gastando menos de R$50,00) no site ali express? Eu já e confesso que sempre fico tentada. 
Só que, com o cinto apertado por causa da crise no Brasil, um pouco de juízo na cabeça (passei da idade de achar que tinha dinheiro na “nuvem” e parcelar no cartão), descobri que o caminho para fazer a minha parte, é pensar direito se dá ainda para usar aquele jeans antigo que me serve bem e preserva alguma dignidade à minha figura, que minhas amigas têm coisas que eu posso querer e vice versa e, finalmente, pesquisar se as roupas que quero comprar são produzidas no Brasil e não na China, mesmo sendo de grife nacional.
créditos: site ecoera
Você também faz isso? Para acompanhar os lançamentos de roupas, design, e muita informação boa em várias áreas, vale dar uma olhada no site ecoera, aqui do Brasil mesmo. E vamos aguardar o lançamento do filme “True Cost”, com produção executiva da Livia Firth (mulher na vida real do Mr. Darcy, Colin Firth), uma das pessoas mais atuantes da moda green fashion, e muito, muito chique.
Beijos!
Rosa

*Deixo vocês com o trailer de "True Cost":



Rosa Guariglia é mineira de Belo Horizonte, advogada e sempre teve um espirito meio transgressor, procurando brechas para não parecer nem careta e nem muito moderna. Adora revistas de moda e tem a mania de fazer álbuns de referências de imagens de editoriais (e fotos de cabelos, lugares, dicas de onde ir...ufa!) para se inspirar. A maior fonte, segundo conta, são os amigos, de todas as áreas e que sempre mostram um olhar diferente para a vida. Para ela, a diferença nas formas de pensar e os pontos em comum que elas criam, é o que importa.


A sétima arte, em palavras - Gustavo Rezende

Eric Toledano e Olivier Nakache entraram definitivamente para o meu caderninho de diretores obrigatórios. Depois de emocionaram o mundo com o espetacular Intocáveis, eis que chega aos cinemas Samba, uma obra madura, encantadora e super bem roteirizada.
Muito do carisma do longa deve-se à Omar Sy, que compõe um personagem denso, mas ao mesmo tempo leve, sedutor, mas com uma aura inocente. Aliás, o ator é uma das grandes revelações dos últimos tempos, sempre nos brindando com trabalhos magníficos e de enorme magnetismo, mesmo em obras vazias como Jurassic World. No longa, Omar representa o personagem que dá título ao filme, um senegalês que vive na França, e tem como sonho ser chef de cozinha. Pego pela imigração, por estar ilegal no país, Samba contará com a ajuda de uma ONG para conseguir permanecer em território francês. Charlotte Gainsbourg também está incrível na pele de uma executiva - afastada do trabalho por uma crise de nervos - que tenta colocar sua vida nos trilhos, realizando trabalhos sociais, e extravasando sua raiva acariciando cavalos. A atriz inglesa vem se mostrando uma das mais versáteis da atualidade, entregando atuações densas, como em Anticristo e Ninfomaníaca, e leves como nesse exemplar francês. O encontro desses seres perdidos e desesperançosos despertará sentimentos, renovará ânimos e dará força para que cada um deles lute por seus sonhos. O elenco de apoio também está excelente, com destaque para Tahar Rahim, impagável na pele de um "brasileiro". Aliás, o Brasil está referenciado em vários aspectos do filme, seja através do nome do protagonista Samba, da trilha sonora composta por músicas de Gilberto Gil e Jorge Ben e do divertido personagem Wilson, que estrela uma das melhores cenas do longa em cima de um andaime.
Samba é um filme incrivelmente realizado, que exalta a luta por um sonho através de uma temática envolvente e atual. Simplesmente apaixonante!

Gustavo Rezende (instagram @gustavosrezende) é publicitário, especialista em desenvolvimento de produtos cosméticos e amante da sétima arte. Criador do instagram @cinediario, contribui semanalmente com críticas, indicações e curiosidades sobre os melhores filmes.













0 Fala, coração!:

 

Dia 03 de dezembro tem Gabi Mello!

Dia 03 de dezembro tem Gabi Mello!

Anuncie aqui!