A PRINCESA DE RUA SUBIU NAS PRATELEIRAS!






Olá pessoal, para quem não sabe, lancei meu primeiro livro de crônicas e poesias que se chama "Princesa de Rua". Quem tiver interesse, estou com uma lojinha virtual onde entregamos para todo Brasil. http://livroprincesaderua.blogspot.com/ .
Aqui em BH, os livros estão na Leitura do BH Shopping e na Crepom (Estevão Pinto, 883 - tel: 33240012)
Maiores informações, enviem um email para fernandamello2006@gmail.com
Ah, faremos um lançamento delicioso em Itacaré, dia 25 de julho, sábado, na Vila do Forró na Interatividade Itacaré (http://www.interatividadeitacare.com.br/home/)

Muito obrigada pela força e carinho, estou muito feliz com minha nova criança, espero que ela leve muitas coisas boas para todos!

ps: Por falar em grandes criações, gostaria de aproveitar e dar as boas-vindas ao lindo Thomás, filhote da minha doce amiga Wal!!! Muitas felicidades pra vocês!

8 Fala, coração!:

CRIS disse...

GENTHÊ, TUDO LINDO DEMAIS!
ME ARREPIEI, ME ENTERNECI.
OBRIGADA FÊ, PELO CARINHO.

Mariana disse...

Vc tem que vir para a Feira do Livro de Porto Alegre!!!
Muito sucesso, Fê!!!
Bjão

Anônimo disse...

Oi Fê, parabéns!!
Te mandei um e-mail com o meu cep para fazer a encomenda do livro.
E gostaria de saber se você não vai postar mais seus textos no blog?

lana disse...

Oi Fê, parabéns!!
Te mandei um e-mail com o meu cep para fazer a encomenda do livro.
E gostaria de saber se você não vai postar mais seus textos no blog?

Monaliza disse...

Eu ainda não estou acreditando que vc vai vir pra cá!!! Mossoró!! Estou contando os dias!!

Mila disse...

finalmente comprei o livro!!! =]
está lindo, viu?!
ainda não li tudo, mas já li bastante...
não canso de ler seus textos!!!
Parabéns!!!

Marcos Vinícius L. de Almeida disse...

Gostei do título...
fiquei curioso.

abraços

Thaty disse...

Olá Fernanda!!
Primeiro, gostaria de saber se vc é a mesma Fernanda destes textos que encontrei na net: "Eu sou criança. E vou crescer assim. Gosto de abraçar apertado, sentir alegria inteira, inventar mundos, inventar amores..."; "Não sou boa com números. Com frases-feitas. E com morais de história. Gosto do que me tira o fôlego. Venero o improvável..."; “Pior do que se sentir perdida é perder-se em si mesmo. No emaranhado do que você acredita misturado ao que você é ou era...".
Se for, gostaria de saber se eles se econtram no seu livro!!!
Independente de ser a mesma Fernanda ou não, adoro seus textos... muito! Citando Milton, eles cabem tão dentro de mim
Que perguntar carece:
"Como não fui eu que fiz?!"

 

Dia 03 de dezembro tem Gabi Mello!

Dia 03 de dezembro tem Gabi Mello!

Anuncie aqui!